Veja empresas e órgãos públicos que tiraram sites do ar após ciberataque

Veja empresas e órgãos públicos que tiraram sites do ar após ciberataque

Ao menos mais 74 países, incluindo o Brasil, tiveram empresas e usuários de internet alvos de uma série de ciberataques em “larga escala”, segundo a empresa de segurança russa Kaspersky Lab. Os ataques afetaram hospitais públicos na Inglaterra e levaram a cancelamentos de atendimentos e redirecionamento de ambulâncias.
SAIBA MAIS: Ciberataques atacaram ao menos 74 países
No Brasil, os ciberataques fizeram com que sites do Ministério Público e do Tribunal de Justiça saíssem do ar nesta sexta. O TJ admitiu que computadores foram infectados, o que motivou o desligamento de todas as máquinas da instituição.

Sistemas de internet do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) no Ceará e em Brasília foram desligados após suspeita de invasão. A Petrobras também adotou medidas preventivas para “garantir a integridade da rede e seus dados”.

O site do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte também foi retirado do ar. Segundo as instituições, as decisões foram tomadas por precaução e não há informações de ataques no Rio Grande do Norte.

Veja empresas e órgãos públicos que tiraram sites do ar:

Petrobras
Instituto Nacional do Seguro Social em todo o Brasil
Ministério das Relações Exteriores
Tribunal da Justiça de São Paulo
Ministério Público de São Paulo

Fonte: G1, Kaspersky Lab

ricardo

Deixe uma resposta