ESET Antivirus , AVG Antivirus e Avast Antivirus – Mercado de Antivirus no Brasil

Como todos já sabem Avast compra rival holandesa AVG por US$ 1,3 bilhão, Objetivo é crescer em mercados emergentes.

A Avast afirmou que vai pagar US$ 25 por ação da AVG, o que representa um prêmio de 33% sobre o fechamento do papel na data da compra.

[sociallocker]Esta noticia, muitas mudanças acontecerão, uma das primeiras foi o AVG Antivirus ser distribuída exclusivamente pela Officer Distribuidora, que está em Recuperação Judicial, o que preocupa muitos revendedores que pode não sabe como terão suporte em suas vendas caso a Officer feche as portas de uma hora para outra. Pensando nisso pesquisamos varias opções para indicar aos nossos clientes, a  melhor opções encontrada foi o ESET Antivirus.

NOD32 antivirus está entre os aplicativos de segurança mais conhecidos para quem usa Windows. Além dessas versões, o NOD32 também oferece apps de proteção para Mac OS X, Linux (com suporte para distribuições mais difundidas) e Android. Na atual versão, o NOD32 é oferecido no modelo grátis para testar, em que o usuário recebe uma chave de ativação legítima que dá direito ao uso de todos os recursos do app por um período de trinta dias. Depois, para manter a key válida, é preciso aderir aos planos de assinatura.

Na sua versão mais atual, o antivírus da Eset chama atenção pela interface gráfica limpa e bem organizada, característica bem vinda que nem sempre é encontrada em softwares do gênero.

Opinião da Start-It Tecnologia.

O aspecto visual do NOD32 também reforça uma postura amigável ao uso, já que as definições padrão do NOD32 atendem bem mesmo usuários com menos tempo para ficar ajustando configurações e aqueles que apenas procuram uma solução de segurança que funcione com poucos cliques.

Além do antivírus para Windows, que é mais conhecido, a Eset libera versões do NOD32 para outros sistemas. No caso do Linux, são suportadas as distros Ubuntu, Debian, Mandriva, Red Hat, Fedora e Suse, tanto em versões de 32 como de 64 bits.

Android e Mac OS X também entram no repertório e possuem versões de suítes de segurança da marca. As características de proteção podem diferir um pouco do produto para Windows mais básico, mas, em geral, trata-se do mesmo NOD32.

O NOD32 é um dos antivírus mais conhecidos do mercado há alguns anos e suas versões atuais continuam mostrando bom desempenho, em sintonia com aquilo que os concorrentes, pagos e gratuitos, oferecem. Com interface muito agradável de usar e um pacote de recursos e ferramentas bem harmonizados para uma experiência de uso simples, o NOD32 é o tipo de escolha certeira para quem não quer perder tempo ajustando minúcias a respeito do funcionamento do antivírus. O NOD32 é bom porque aposta nessa postura mais amigável.

Não que o ajuste criterioso de todos os filtros de proteção disponíveis no NOD32 fique inacessível: quem prefere configurar o comportamento do antivírus em detalhes pode fazê-lo com tranquilidade, já que a ativação de uma série de filtros de segurança, bem como de seu funcionamento básico ficam disponíveis aos usuários.

O NOD32 aposta num formato que deixa a gratuidade irrestrita de alguns de seus grandes rivais de lado para buscar cativar os usuários no modelo de assinatura depois de um período de testes. Depois de fazer o download completo e gratuito do antivírus, o usuário recebe uma chave de uso irrestrita, que dá direito a todos os recursos do NOD32 por um mês. Depois, cabe ao usuário decidir se continua com o produto, assinando por um ano a R$ 69,99, num pacote que dá direito a instalação em quatro máquinas.
As atuais versões do NOD32 também promovem uma mudança no mecanismo de autenticação. Antigamente, o usuário detinha uma conta com login e senha no serviço. Agora, a autenticação é realizada mediante uma chave de ativação.

 

 

 

[/sociallocker]

Pesquisa apontou que a segurança de dados é a principal preocupação

Um estudo da IBM publicado recentemente revelou que, em 2015, os gastos médios das empresas brasileiras com violações de dados ultrapassaram 4 milhões de reais.
Outra pesquisa, esta realizada pela Extreme Network em nível global, mostra que ao longo de 2016 a segurança de dados é a principal preocupação dos executivos de TI em todo o mundo.
Conforme a tecnologia avança e se torna mais acessível, aumentam as ameaças à segurança da informação das empresas, o que está bem claro nestes dois estudos mencionados.
Diante disso, a pergunta que fica é: como otimizar a segurança de dados sem fazer com que as operações da empresa não deixem de aproveitar os avanços tecnológicos?

1. Crie a cultura da segurança de dados

Para começar, é importante conscientizar todos os colaboradores da sua empresa sobre o assunto segurança de dados — cerca de 30% das violações, de acordo com o estudo da IBM, são causadas por negligência dos próprios usuários.
Documente normas e recomendações, considerando todas as possíveis ameaças e também os riscos relacionados ao dia a dia corporativo.
Explique os benefícios da política, “traduza” os termos técnicos, enfim, traga todos para o objetivo maior: a segurança da informação e do negócio como um todo.
Estes usuários tendem a disseminar a ideia entre seus colegas de modo que, quando as normas entrarem em vigor, elas não serão uma imposição — para tal, escolha usuários que exerçam uma liderança natural entre seus colegas.

2. Invista em ferramentas e boas práticas de segurança da informação

Hoje, com a computação em nuvem, é possível adquirir softwares, ferramentas de antivírus, backup e outros de forma virtualizada, o que diminui muito os custos e não exige longos períodos de implementação.
Da mesma forma, metodologias e boas práticas também devem fazer parte do dia a dia do departamento de TI.

3. Armazene dados na nuvem

Isso porque os provedores de serviços de nuvem estão sempre atualizados com o que há de mais moderno em ferramentas, práticas e também mantêm em seus quadros os melhores profissionais — o que custa muito dinheiro para manter internamente.
Como existem nuvens públicas, privadas e híbridas, é preciso verificar qual dos três modelos é ideal para o seu negócio.
No modelo público, a empresa divide com outras empresas um datacenter (cada qual com seus níveis de acesso separados), a privada é exclusiva e a híbrida é uma mescla dos dois modelos.
Normalmente, os bons provedores de cloud garantem uma disponibilidade acima de 99%, — afinal, a segurança é um valor muito importante neste negócio.

4. Invista em criptografia para garantir a inviolabilidade dos arquivos

Toda empresa possui arquivos considerados sensíveis (relatórios gerenciais, planejamentos, planilhas financeiras e segredos industriais, por exemplo).
Uma boa escolha é protegê-los com sistemas de criptografia — codificação dos dados de modo que só possam ser lidos pelas pessoas autorizadas.
Com isso, dados que circulam em e-mail ou que estejam arquivados em dispositivos móveis que podem ser roubados ou perdidos não correm o risco de serem descobertos por fraudadores.

5. Firme contratos de sigilo com colaboradores e fornecedores

Outra excelente forma de garantir a segurança de dados corporativos é inserindo termos de confidencialidade em contratos com colaboradores e fornecedores.
Esta prevenção judicial pode inibir práticas de risco, fraudes e até ajudar a conscientizar as pessoas da importância de manter as informações seguras.

6. Reforce o controle de acesso aos sistemas corporativos

Também é importante fazer melhorias nos controles de acesso aos sistemas utilizados na empresa — especialmente quando há acesso remoto por meio de soluções SaaS, por exemplo.
É importante ter total controle de quem são as pessoas autorizadas a acessar e operar os diversos sistemas, com níveis de acesso bem definidos, senhas fortes e rastreamento das atividades.

7. Adote redes privadas virtuais (VPN) e controle os dispositivos utilizados

Trend Micro, uma das maiores empresas do ramo da segurança da informação no mundo, publicou um relatório no qual afirma que 2016 deve finalizar como um ano de grandes desafios para a segurança de dados corporativos.

Nas palavras da companhia, este “será o ano da extorsão online”, especialmente no que diz respeito ao crescimento de ameaças a dispositivos móveis (tablets, smartphones, etc.).
Como, cada vez mais, as pessoas estão utilizando seus próprios dispositivos no ambiente de trabalho, ter o controle e exigir autenticação é cada vez mais fundamental.
Inúmeros especialistas recomendam, inclusive, que os dispositivos dos colaboradores sejam isolados em uma rede única, pois assim fica ainda mais fácil de monitorar e identificar problemas.
Como vimos, a segurança de dados depende de uma série de fatores, que vai desde a educação dos usuários até investimentos em ferramentas e práticas.
O que não é mais possível é acreditar que as informações corporativas não correm riscos e que não é preciso fazer um trabalho estratégico de prevenção e antecipação aos problemas.

Sua empresa esta protegida?

Sequestro de dados, sua empresa esta protegida?
A Start-It esta pronta para ajudar a sua empresa no que precisar, temos aluguel de firewall SonicWall, analise de servidores, rede, e-mails, cloud, orientação e treinamento da equipe.

Com a frequente onde de sequestro de dados on-line, estamos redobrando a toda a atenção para os casos.

Podemos garantir aos nos clientes os melhores serviços, que ainda conta com um seguro em contrato AIG seguros de até R$ 300.000,00.

 

sequestro_de_arquivos_digitais_1__2013-11-07154218

 

Ainda não é nosso cliente conheça toda a linha de firewall SonicWall, com opções de aluguel, compra, suporte, implantação e instalação.

Linha NSA

NSA – indicado para pequenas e médias organizações, filiais.
Throughput de 1,9 Gbps a 12 Gbps, portas SFP.
Capacidade a partir de 1.250 até 5.000 usuários.

3323.NSA_Series

 

Linha SuperMassive

SuperMassive – indicado para grandes empresas, Data Centers, ISPs, Operadoras, onde começamos a trabalha com Throughput de 15 Gbps a 40 Gbps, portas SFP+, fonte redundante Hot swappable 850W. Capacidade a partir de 8.500 até 60.000 usuários.

dell_sonicwall_supermassive

 

AVG AntiVirus Business Edition

Ícone do File Shredder

NOVO! File Shredder

Exclua arquivos indesejados permanentemente!

O File Shredder avançado exclui arquivos com segurança para evitar recuperação indesejada.

Ícone do Smart Scanner

Smart Scanner

Não deixa você lento

O Smart Scanner nunca descansa e verifica apenas seu PC quando você não estiver trabalhando para não atrapalhar. Ele faz o trabalho pesado para que você e seus funcionários possam focar em seus negócios sem causar distrações e atrasos custosos.

Ícone do Identity Protection

Identity Protection

Protege senhas e números de cartão de crédito

Conseguir conduzir transações online com segurança não deveria ser uma preocupação. Nosso Anti-Spyware ajuda a proteger sua identidade contra spywares e adwares que rastreiam informações pessoais.

Ícone de Gerenciamento Remoto

Gerenciamento remoto

Controle mais rápido a partir de um único local

O gerenciamento remoto permite que seu administrador instale, atualize e configure o AVG em todos seus PCs (e toda a rede de computadores) a partir de um único local. O AVG se atualiza automaticamente, para que você tenha a certeza de que sua empresa está protegida contra as ameaças mais recentes.

Ícone de Firewall

Firewall

Sua primeira linha de defesa

Nosso firewall ajuda a manter sua empresa em funcionamento, pois protege contra ameaças de segurança online, como spam, vírus, hackers e malware.

Ícone de Segurança para servidores de arquivo

Segurança para servidores de arquivos

Protege seus arquivos e dados empresariais

Os arquivos da sua empresa e dados do cliente são cruciais para executar uma campanha bem-sucedida. Nossa segurança de servidor de arquivo Windows ajuda a mantê-lo seguro, em privacidade e fora das mãos dos hackers!

Ícone do LinkScanner

Linkscanner

Navegue, pesquise e baixe dados com confiança

Nosso Linkscanner® Surf-Shield verifica páginas web antes de abri-las em seu navegador e exibe uma classificação de segurança nos resultados do mecanismo de pesquisa para ajudar a navegar a web com confiança.

 

Criminosos invadem sistemas e sequestram dados.

Eles entram nos computadores e bloqueiam o acesso aos dados.
Empresas e órgãos públicos são os principais alvos.

Um crime cibernético está se tornando cada vez mais comum. E os alvos são, principalmente empresas e órgãos públicos. É o chamado golpe do sequestro de dados.

Para a polícia, já é quase uma epidemia que se espalha pelo país. Criminosos conseguem entrar nos computadores e bloqueiam o acesso aos dados de empresas ou órgãos públicos. Só em setembro, já houve sequestro de dados de computadores em quatro estados: São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Mato Grosso.

O golpe começa com um vírus enviado por email para várias empresas. Pode ser em forma de propaganda, um boleto falso de cobrança ou um pedido de atualização de cadastro. Aí, basta que o usuário dê um clique para que o vírus seja ativado e roube todas as informações do computador. E, só libera com uma senha, que o usuário recebe se pagar o resgate.

A Daniela guardava a história de 34 anos da loja num único computador. Informações de clientes e do estoque de quase 500 mil peças de roupas. Tudo roubado pelos criminosos.

O pedido de resgate veio por email, em inglês, com o número de uma conta internacional para o depósito. A Daniela não pagou, e está tendo um trabalhão para recuperar o que foi perdido.

“É um prejuízo: tempo, dinheiro. Prejuízo de tudo, que tudo estava organizado e, de repente, tudo fica de perna para o ar”, diz Daniela Carvalho, empresária.

Para evitar casos como o da Daniela, os especialistas têm uma lista de recomendações.

Fazer um backup:
1 – Cópias de segurança dos dados em outro equipamento ou num pen-drive. (Isso não garante que  o seu Backup também não fique bloqueado)
2 – Ter um bom Firewall.
3 – Manter sempre um antivírus atualizado. E não permitir tudo que é solicitado.
4 – Nunca instalar programas de origem duvidosa e não clicar em mensagens desconhecidas recebidas por email.

Na cidade mineira de Guaranésia, a prefeitura não tinha nada disso e teve de cancelar o show de aniversário da cidade na semana passada, porque os bandidos roubaram os dados dos contratos. A polícia está pedindo ajuda das autoridades de outros países.

“A gente começa a investigar e dá num servidor internacional, que para você quebrar, depende de acordos internacionais, aí demora muito para você ter um retorno e localizar onde está instalado esses hackers no Brasil”, diz Gerson Pereira, delegado.

Veja a reportagem no Jornal Nacional: http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2015/09/criminosos-invadem-sistemas-e-sequestram-dados-em-novo-golpe.html

 

Comprar licenças do fabricante ou na revenda?

Frequentemente, nossos clientes nos perguntam: “Por que deveríamos comprar uma licença corporativa com a Start-It Tecnologia ao invés de diretamente na loja online do fabricante?” Essa é uma pergunta bem justa! E o que é pior, muitas vezes o valor do software no site do fabricante é mais barato do que conseguimos oferecer. Parece não fazer sentido comprar de um revenda, não é mesmo?

No entanto, existem, sim, vantagens muito importantes que um revendedor oferece a um cliente corporativo. Resolvemos aqui tirar todas as suas dúvidas de uma vez por todas!

Softwares Corporativos X Usuários Domésticos

 

O motivo mais óbvio é que, em muitos casos, softwares voltados para empresas só são oferecidos por meio de revendedores.

Por exemplo, no site da Adobe você pode adquirir licenças das soluções Creative Cloud voltadas para usuários finais ou profissionais autônomos, que inclui os populares softwares Photoshop, Illustrator, InDesign e Dreamweaver. Para empresas, existe o Creative Cloud for Teams (para Times), que inclui os mesmos produtos, mas num pacote ideal para equipes ou pequenas empresas. As licenças para o Creative Cloud para empresas só podem ser adquiridas via um revendedor.

Facilidade de Pagamento da Licenças

Quando a compra é feita por uma revenda, é possível pagar em boleto bancário e Nota Fiscal. Em muitos casos, também é possível parcelar a compra sem a necessidade de um cartão de crédito.

O segundo motivo é a facilidade de pagamento. Na maioria das lojas online de fabricantes, o único meio de pagamento aceito é o cartão de crédito internacional, o que traz algumas dores de cabeça para empresas:

  • Se a empresa não tiver um cartão de crédito corporativo, a licença ficará registrada no nome do funcionário ou sócio que adquiriu o software. Mesmo que haja um reembolso da empresa, a licença não é de sua propriedade, o que pode gerar problemas trabalhistas e operacionais.
  • Na maioria das lojas online, o pagamento é feito internacionalmente por meio de um recibo (invoice). Isso impede que o cliente receba uma Nota Fiscal e dê entrada na contabilidade.
  • Na compra online, por ser uma transação internacional, a empresa precisa declarar no Siscoserv para garantir que a operação seja regulamentada.

Sem dor de cabeça com impostos

O terceiro motivo são os impostos. Não é novidade para ninguém que o Brasil tem um dos sistemas tributários mais complexos do mundo. Ao adquirir licenças com um revendedor, sua empresa tem a tranquilidade de saber que está pagando todos os impostos e pode ficar de consciência tranquila com a Receita Federal.

O barato pode sair caro

Esses motivos podem não parecer tão atraentes quando você está pesquisando alternativas e buscando os melhores valores. Mas, como diz o ditado, o barato pode sair caro. Se você colocar na ponta do lápis o quanto pode economizar em tempo e esforço adquirindo uma licença corporativa com uma revenda, verá que qualquer preço adicional compensa.

A Start-It Tecnologia é uma revenda Official no Brasil de vários produtos voltada para o mercado corporativo.

Conheça nosso portfólio de produtos:

AVG AntiVirus
SOS Backup
Google Apps
Microsoft
Intelbras
Winco
DELL SonicWall